quinta-feira, 10 de março de 2011

Evacuação num B 727, da World Airways de Da Nang para Saigon em 1975, debaixo de fogo

Isto aconteceu em 1975, no final da guerra do Vietnam.

O avião era um Boeing 727-100 da World Airways, enviado para a retirada de refugiados que estavam em Da Nang, até então uma cidade no Vietnam do Sul aonde havia uma base militar norte americana.

A bordo do avião, além da tripulação, estava o presidente da empresa, Edward J. Daly, dois jornalistas e um cameraman.

O embarque dos refugiados transcorria em ordem, com as tropas vietnamitas locais fazendo um cordão de isolamento em torno
do 727. Porém, rumores de que tropas inimigas se aproximavam rapidamente da base começaram a espalhar-se, e o que era um
embarque relativamente organizado tornou-se numa grande confusão, com a multidão em pânico, tentando embarcar. Percebendo que a situação estava a fugir ao controle, Daly ordenou ao Cmt. Kenneth Healy para iniciar imediatamente os procedimentos
para a descolagem.

O 727, por ter os seus três motores na cauda, e em posição elevada, não oferece maiores riscos às pessoas nas proximidades.

Assim que os motores foram accionados, a multidão entrou em pânico, receando ser deixada para trás. A confusão instalou-se, com soldados a empurrar mulheres e crianças que tentavam embarcar.

Soldados vietcong, inimigos, abriram fogo atingindo o avião e uma granada, RPG, atingiu a asa, causando estragos no trem de aterragem e parte dos flapes.

Ainda em velocidade reduzida, o avião dirigiu-se à pista de descolagem enquanto refugiados e soldados lutavam entre si para embarcar no avião pela escada traseira,sendo ajudados e puxados pelos que já estavam a bordo.

De acordo com o Cmt. Healy,o avião estaria com aproximadamente nove mil quilos acima do peso máximo de descolagem, o que é muito acima do permitido. Havia provavelmente 360 pessoas dentro de um avião configurado para 105 passageiros!

Na cabine, 268 pessoas, entre "passageiros" e tripulantes, espremiam-se enquanto cerca de 80 a 90 pessoas viajavam nos compartimentos de carga, cujas portas permaneceram abertas durante todo o voo! Testemunhas disseram que durante a descolagem houve, pessoas que foram caindo do avião. No desespero, houve vários indivíduos que tentaram viajar no compartimento dos trens de aterragem.

Não foi um voo fácil, pois vários problemas surgiram. A escada traseira do 727 permaneceu parcialmente estendida. Os trens de aterragem principais não foram recolhidos, uma vez que havia danos causados pela explosão da granada, e além disso,
recolhê-los, significaria um risco para àqueles que estavam espremidos no compartimento das rodas.

Dois terços do flape interno da asa esquerda também estavam danificados devido à granada, e o avião não pode ser pressurizado, sendo o voo realizado a 10.000 pés de altitude.

Apesar do tremendo aumento no consumo, a tripulação finalmente aterrou o 727 com segurança em Saigon,restando pouquíssimo combustível nos tanques.

Anos mais tarde o Cmt Healy assumiu a vice presidência da World Airways, elogiando o Boeing 727 pela sua excelente performance, confiabilidade e resistência.

Pudera, salvara-lhe a vida.

Fonte: Beto Carvalho

World Airways Evacuation From Da Nang To Saigon 1975 from PhuongBui on Vimeo.

Sem comentários:

Enviar um comentário